Montar os alimentos em um prato de forma bela e harmônica parece fácil, mas não é tão simples assim. Os chefs inclusive defendem que essa “arte” de escolha da louça influencia diretamente na experiência que as pessoas têm com a gastronomia.

Em casa, as louças são especialmente escolhidas a dedo para compor nosso lar, pois para muitos faz toda a diferença na hora de promover eventos especiais. E ao sair para comer em um bistrô ou restaurante isso não poderia ser diferente.

Em estabelecimento gastronômicos, você não usufrui somente da comida, mas de toda a experiência proporcionada. Localização, cenário, decoração, disposição do salão, atendimento, membros da equipe e menu. Inclusive a harmonia das louças escolhidas para acompanhar sua refeição.

Se atentar as cerâmicas é um ato de carinho, dedicação e sofisticação. Confira nesse artigo 3 fatores primordiais na escolha da louça dos chefs para proporcionar experiências incríveis para os clientes durante uma refeição.

Visual

Os pratos servidos nos restaurantes são estudados com muito afinco antes de chegar à mesa. Os chefs harmonizam os sabores, os aromas e também o visual. Pensando nas características do alimento em consonância com a louça em que ele será servido.

Então para que haja um equilíbrio e não uma disputa entre a comida e a louça, fatores como a cor, textura e o formato são fundamentais. O que leva muitos chefs preferirem o uso mais versátil e seguro de cerâmicas em cores neutras, textura lisa, tipo foscas, formatos e modelos mais tradicionais.

Funcionalidade

Um dos principais erros apontados pelos chefs premiados é justamente não pensar no todo. Nessa questão, a funcionalidade deve outro fator primordial na escolha da louça e deve ser muito bem escolhida.

É por isso que os profissionais testam a composição de “comida + louça” antes de disponibilizar aos clientes. São levantadas em conta questões como:

  • O empratamento está ideal com a proposta?
  • O tamanho está proporcional ao tamanho da comida e mesa?
  • O formato e profundidade estão de acordo com a refeição?
  • O modelo é prático para o garçom levar à mesa?
  • A louça interage bem com os talheres?
  • A peça risca, mancha ou quebra com facilidade?

Conceito

E para deixar um pouco mais complexa essa arte de escolha de louças, saiba que além dos dois fatores citados acima, a cerâmica precisa estar alinhada com o conceito do restaurante.

Tudo oferecido em um estabelecimento influência na experiência. Portanto, o enxoval de louças também precisa estar em perfeita harmonia com a essência do restaurante, a cozinha da casa e a narrativa da receita. Por exemplo, ambientes mais minimalistas, exigem louças coerentes a proposta.

Vá além…

Um fato interessante é que esses utensílios estão diretamente ligados a nossa evolução. Da criação ao manuseio de utensílios de cerâmica na pré-história ajudaram no processo evolutivo da humanidade.

A comida é um dos principais assuntos nas redes sociais e na vida cotidiana. Movimenta um mercado gigantesco e reúne pessoas que amam falar e “fazer comida”.

Então na hora de apreciar uma boa refeição, lembre-se que mais do que o visual, a escolha da louça também pode influenciar diretamente na sua experiência gastronômica e fazer toda a diferença em momentos mais do que especiais. Para continuar lendo sobre utensílios de cozinha, veja esse texto sobre as regras de etiqueta de talheres e amplie seus conhecimentos na área.